CTO - CURSO GRATUITO DE TEOLOGIA ONLINE

CTO - CURSO GRATUITO DE TEOLOGIA ONLINE

FUNDO

PRECISAMOS DESPREZAR NOSSA FAMÍLIA PARA SEGUIR A JESUS? - por Helbert Souza



Lucas 14:16 diz: 
"Se alguém vem a mim e não aborrece a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs e ainda a sua própria vida, não pode ser meu discípulo." 

O Senhor está mesmo ensinando que não devemos amar pessoas tão próximas como os nossos familares?

Deste modo seria contraditória a ordem de amar até os nossos inimigos.

O que então o Cristo nos ensina nesta passagem?

O texto de Lucas 14: 25-35, traz o ensino de Jesus sobre o discipulado:
É notória a importância da palavra "aborrecer"  no vs. 16, a qual também pode ser traduzida por desprezar, preterir ou “amar menos”. 
Este último termo deverá ser utilizado para o nosso entendimento.
Aqui ele é diferente de Romanos 9:13, em que “aborrecer” não significa simplesmente “amar menos”,  porém traz a idéia é rejeição ligada ao juízo divino.

Em Lucas 14:16 o Senhor está usando um tipo de hebraísmo, valendo-se de uma forma desta língua com a finalidade de contrastar o amor que devemos  pelo próximo em relação ao amor que devemos  ter por Ele.

Fica muito claro o seu ensino quando lemos o relato de Mateus capítula 10, versículo 37:

“Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim não é digno de mim”.

Também se evidencia à luz dos mandamentos, os quais Jesus resumiu em dois:


Amar a Deus em primeiro lugar, acima de todas as coisas (conforme Jesus está enfatizando aqui) e depois, em segundo lugar,  amar ao próximo. 

0 comentários :

Postar um comentário

OBSERVAÇÃO:
NEM TODAS AS POSTAGENS TRADUZEM, NECESSARIAMENTE, A OPINIÃO DO SITE MATÉRIAS DE TEOLOGIA

Soli Deo Gloria