CTO - CURSO GRATUITO DE TEOLOGIA ONLINE

CTO - CURSO GRATUITO DE TEOLOGIA ONLINE

FUNDO

O QUE VOCÊ FARÁ DE JESUS NESTE NATAL? - Hernandes D. Lopes


natal hernandes dias


Simeão disse que Jesus veio ao mundo para ser alvo de contradição (Lc 2.34). 
Ele é amado e odiado. Ele transforma a uns e transtorna a outros. 
Ele é a pedra de escape de uns e a pedra que esmaga a outros. 
As pessoas sempre tiveram, têm e hão de ter reações diferentes com respeito a Jesus. 
Vejamos quais foram as reações a Jesus quando do seu nascimento.


1. A reação de Herodes, o grande (Mt 2.3,13,16) –
 Quando Jesus nasceu em Belém, Herodes, o grande, governava o território de Israel por delegação do imperador romano. 
Ele era um homem truculento, perverso e louco. 
Chegou a matar alguns membros da sua própria família com medo de ser traído. 
Quando os escribas o informaram que em Belém havia nascido uma criança destinada a ser rei de Israel ele ficou alarmado. 
Não tardou para que esse rei ensandecido mandasse matar todas as crianças de Belém. 
Seu intento era eliminar Jesus. Sua reação a Jesus foi de ódio consumado. 
Sua atitude foi de total hostilidade e oposição. Viu Jesus como uma ameaça para sua vida e seus propósitos. Muitos ainda hoje olham para Jesus como um inimigo que deve ser atacado e perseguido.

2. A reação dos escribas e doutores da lei (Mt 2.4-6) – Os escribas eram os teólogos mais eruditos do seu tempo. Eles conheciam a lei como ninguém. Eles examinavam com meticulosidade a Palavra de Deus. Sabiam que o Messias nasceria em Belém. Eles tinham conhecimento.
Eles eram iluminados pela luz da verdade. Mas essa verdade não lhes transformou o coração.
Eles tinham ortodoxia, mas não obediência. Eles eram conhecedores da verdade, mas não praticantes dela. Eles rejeitaram Jesus e se constituíram em seus mais amargos inimigos. 
Há muitos ainda hoje que conhecem a Palavra de Deus, mas não vivem de acordo com esse conhecimento. Têm luz na mente, mas não vivem de acordo com essa luz. 
Têm boa teologia, mas vivem como hereges. Conhecem muito a respeito de Deus, mas não desfrutam da intimidade de Deus. 
Conhecem os detalhes da lei de Deus, mas não se deleitam nessa lei.

3. A reação dos belemitas (Lc 2.7) – A Bíblia diz que não havia lugar para Jesus nascer em Belém. 
As hospedarias estavam todas ocupadas. Não havia espaço para Jesus, o Pão da Vida, na Casa do Pão. Jesus, o Cordeiro de Deus, rejeitado pelos homens, foi nascer, então, numa manjedoura, entre os animais. Ainda hoje, muitos não têm espaço para Jesus na sua vida. Estão ocupados demais com seus negócios, com seus afazeres, com seus cuidados a ponto de não terem tempo nem lugar para Jesus. 
Vivemos numa sociedade que corre tanto atrás de coisas, mas uma sociedade que não pára para pensar em Deus, para servir a Deus nem para adorar o seu bendito Filho que veio ao mundo para nos salvar.

4. A reação dos magos do Oriente (Mt 2.11) –
 Os magos, guiados por uma estrela, vieram do Oriente e orientados pela Palavra chegaram a  Belém e se prostraram e adoraram o menino Jesus, oferecendo-lhe ouro, incenso e mirra. O ouro é o presente dado a um rei. Jesus é o Rei dos reis.
Ele é o Senhor dos senhores. Todo joelho deve se dobrar diante dele, dando-lhe a glória que ele merece. Também ofereceram a Jesus incenso. Este é o presente oferecido a um sacerdote.
 Jesus é o Sumo Sacerdote que veio para nos reconciliar com eus.
Ele é o ofertante e o sacrifício. Ele ofereceu a si mesmo na cruz em nosso lugar e em nosso favor. 
Por meio dele temos livre acesso à presença de Deus. Finalmente, os magos oferecem a Jesus mirra. 
Este é o presente a um profeta. Jesus é tanto o mensageiro como o conteúdo da mensagem. 
Deus nos fala por meio dele! 
Que Deus levante entre nós, neste tempo, pessoas que se prostrem e adorem a Jesus como os magos do Oriente neste Natal. Você gostaria de fazer isto, agora?

LEIA MAIS SOBRE O NATAL

[O NOME DE JESUS E O NATAL - MAURO MEISTER]

[O NOME DE JESUS E O NATAL - AUGUSTUS NICODEMUS (ÁUDIO)]

[O QUE VOCÊ FARÁ DE JESUS NESTE NATAL? - HERNANDES D. LOPES]

[OS CRISTÃOS DEVEM CELEBRAR O NATAL? - JOHN MACARTHUR]

[NÃO SOU TOTALMENTE CONTRA O NATAL - AUGUSTUS NICODEMUS]

[NATAL E CALVINISMO - JONATHAN MASTER]


OBSERVAÇÃO:
NEM TODAS AS POSTAGENS TRADUZEM, NECESSARIAMENTE, A OPINIÃO DO SITE MATÉRIAS DE TEOLOGIA

Soli Deo Gloria